facebook twitter

Segurança Eletrônica : Comerciantes investem em segurança privada para evitar prejuízos com assa

Enviado por sirleimadr 

 

Os comerciantes de Umuarama estão precavidos para diminuir a incidência de roubos e furtos nos estabelecimentos na cidade. Para isso, eles têm investigo em monitoramento eletrônico e também na contratação de seguranças particulares para evitar prejuízos.

 

Em esfera global os investimentos em segurança eletrônica têm aumentado nos últimos anos e, até 2017, o mercado crescerá até 17%, conforme a Security Industry Assiciation (SIA). Já quando se trata do Brasil as perspectivas apontam que quase 40% dos investimentos em segurança privada estão sendo direcionados para monitoramentos eletrônicos, segundo a Associação Brasileira de Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança (ABESE).

 

“Aqui optamos por uma ideia diferente. Temos um recepcionista que atende os clientes antes de eles entrarem na loja. Caso ele perceba alguma atitude suspeita a pessoa é impedida de entrar”, explica um dos quatro sócios da joalheria CooperGold, Odemar Koch.
Além disso, a empresa também conta com oito câmeras e um sistema de monitoramento. Nos dias em que a loja fecha mais tarde, um vigilante acompanha a saída dos últimos funcionários para evitar invasões. Mesmo assim, nos pouco mais de um ano e meio de loja aberta, já houve dois furtos. “Uma vez nós percebemos e conseguimos deter a cliente na saída. Ela disse que havia esquecido as peças na bolsa e acabamos resolvendo. Na outra foram levadas peças que foram alugadas, mas a polícia conseguiu recuperar”, diz o outro sócio da empresa, Anderson Koch.


Fique de olho

origem: http://www.ilustrado.com.br/jornal/Ex ... C3%ADzos%20com%20assaltos




Sirlei Madruga de Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do CFTV